FALE
CONOSCO

ATENDIMENTO

TELEFONE

+55 (12) 3955-4110

De 2ª a 6ª feira, das 8h às 17h45

WHATSAPP

(12) 3955-4110

Empresas de SP | RJ | ES

(12) 3955-4113

Demais Regiões

E-MAIL

vendas@ergomais.com.br

De 2ª a 6ª feira, das 8h às 17h45

SOLUÇÕES EFICIENTES, EXPERIÊNCIA ÚNICA

Envie uma mensagem e fale com um de nossos atendentes.

Os campos com * são obrigatórios

Perguntas Frequentes

Sim, atendemos todo o território Nacional e a América Latina.

As mercadorias são despachadas da nossa Fábrica em Jacareí SP para as transportadoras indicadas pelos clientes, os fretes podem ser negociados diretamente com o vendedor de acordo com o volume de compra e da região.

Todas as cadeiras Ergomais são ergonômicas e em conformidade com a NR17 Ergonomia.

As diferenças entre as cadeiras são os mecanismos de regulagem, os formatos e medidas de assento e encosto, tipos de revestimentos para setores industriais e escritório.

As cadeiras Ergomais para costureiras possuem uma base pequena, que não atrapalha o uso dos pedais e pés fixos (sem rodízios/rodinhas), para que a cadeira não deslize durante o trabalho de costura.

A Ergomais possui uma ampla gama de revestimentos, que atendem as áreas de escritório e diversos setores da indústria, sendo eles:

  • Tecido: Facilita a perspiração do corpo diminuindo a percepção de calor e melhorando o conforto, é mais resistente a rasgos e a flexão mecânica e por isso tem uma vida útil maior. Os tipos de tecido usados para revestir cadeira Ergomais são: Panamá, J Serrano, e Crepe.
  • Courvin ou couro sintético: É impermeável, de fácil higienização e limpeza. É indicado para locais onde a higienização e limpeza sejam constantes, não absorve o suor ou sujeira do ambiente.
  • P.U integral Skin: É injetado em poliuretano com acabamento integral Skin em uma única peça dispensando o uso de revestimentos, alta durabilidade e limpeza não solta fuligens. É indicado para locais onde a higienização é necessária e controlada, como setor farmacêutico e alimentício, ou locais com muita poeira óleos e graxas, ideal para ser higienizada com álcool isopropílico.
  • Raspa de couro: É resistente a fagulhas de soldas incandescentes e não propaga chama. É indicado para revestir cadeiras e bancos que ficam em áreas de soldas ou que podem ser atingidas por fagulhas.
  • Revestimento ESD: Tecido composto por filamentos de carbono, que dissipam a eletricidade estática do corpo, podendo ser aplicado no tecido ou no courvin, dissipa a eletricidade estática gerada pelo corpo devido ao atrito da roupa com a pele e o ambiente no ponto de aterramento. É indicado para indústria eletroeletrônica, e todas as a atividades que envolvam montagem ou manuseio de componentes eletrônicos ou ambientes controlados com risco de explosão.

As Cadeiras ESD Antiestática Ergomais, são desenvolvidas para a indústria eletroeletrônica, e todas as a atividades que envolvam montagem ou manuseio de componentes eletrônicos ou ambientes controlados com risco de explosão.

As Cadeiras são revestidas com um tecido composto por filamentos de carbono, que dissipam a eletricidade estática gerada pelo corpo devido ao atrito da roupa com a pele e o ambiente, possui um ponto de aterramento em um dos rodízios, que dissipa a estática no piso.

As Cadeiras Ergomais foram desenvolvidas para trabalho com jornadas longas, com vida útil de 4 anos em turnos de 8 horas, sendo utilizadas em ambientes climatizado com pessoas de peso variantes de até 120kg. Porém, temos a Cadeira Maxxi exclusiva para usuários obesos, com capacidade de até 180kg.

Estamos em Jacareí interior de SP, Avenida Geraldo Scavone, 2730 – Jardim California, Condomínio Vale Industrial Paulista.

A Ergomais projeta e desenvolve produtos sob medidas adaptados para atender as normas de ergonomia NR17 em todos os tipos e especificações de postos de trabalho.

Todos os nossos produtos possuem garantia de 12 meses, exceto os apoios de punho, quebra quina e mousepad.

Sim, todos os nossos produtos são desenvolvidos para atender as especificações da NR17 Ergonomia e anexos Checkout I e Call Center II do Ministério do Trabalho.

ONDE ESTAMOS